Sexta-feira, 30 de Julho de 2010



publicado por Rita Mello às 12:26 | link do entrada | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 29 de Julho de 2010

 

Joanne Harris vai estar em Portugal de 15 a 17 de Setembro para apresentar o seu novo romance O Rapaz de Olhos Azuis. A autora vai estar em Lisboa e no Funchal.

Não percam no blogue Joanne Harris as surpresas que vão estar reservadas para os seus fãs...



publicado por Rita Mello às 16:39 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Quarta-feira, 28 de Julho de 2010

 

A top model somali Waris Dirie foi nomeada embaixadora para a paz e a segurança em África pela União Africana, na Cimeira da Paz e Segurança, realizada na semana passada em Addis-Abeba, na Etiópia, juntamente com vinte e cinco outras personalidades africanas, entre elas, a moçambicana Graça Machel, mulher de Nelson Mandela.

2010 é o Ano da Paz e da Segurança em África, sendo que o Dia da Paz em África tem lugar a 21 de Setembro de 2010.

Autora de Filhas do Deserto, Aurora no Deserto e Flor do Deserto (cuja versão cinematográfica se encontra neste momento em exibição nas salas portuguesas), Waris Dirie foi vítima de mutilação genital feminina quando tinha apenas cinco anos e a sua luta pela erradicação desta prática levou-a a ser nomeada também pelas Nações Unidas como embaixadora para os direitos das mulheres.

Foi ainda distinguida com o título de Mulher do Ano atribuído pela Glamour em 2000, o World Social Award 2004, o Prémio Oscar Romero 2004 e o título de Cavaleira da Legião de Honra de França.

Para além de Waris Dirie, foram também nomeados o arcebispo Desmond Tutu, Frederick de Klerk, o professor Wangari Maathai, Amara Essy, Mo Ibrahim, Graça Machel, Salim A. Salim, Alpha Oumar Konaré, Edem Kodjo, Henri Lopes, Bethuel Kiplagat, Luísa Diogo, Oliver Mtukudzi, Salif Keita, Angelique Kidjo, Youssou N’Dour, Manu Dibango, Sadok Sassi, Paulina Chiziane, Paul Tergat, Teshaynesh Hewak Teka Legesse, Rabah Madjer, Abedi Pele, Maria Mutola e Michael Essien.

“Sinto-me honrada por os meus irmãos e irmãs africanos me atribuírem esta grande distinção. Mas este cargo traz com ele uma grande responsabilidade. Venho de um país africano, a Somália, que é afectado por uma terrível guerra civil há vinte anos e que não consegue alcançar a paz. Com o meu novo cargo, quero ajudar a trazer a paz para a Somália. E estou já a trabalhar num projecto com este fim e que apresentarei em Setembro”, afirmou Waris Dirie em comunicado.

“Mas há uma outra e muito pior guerra a ter lugar em África. Uma guerra silenciosa contra as mulheres. O nome desta guerra é Mutilação Genital Feminina e afecta milhões de raparigas todos os anos. Mais de 150 milhões de mulheres foram traumatizadas por esta guerra absurda e sofrem as suas consequências durante toda a vida. Por isso, exijo que todos os governos africanos e todos os povos de África acabem com esta guerra”, acrescentou.



publicado por Rita Mello às 15:58 | link do entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Terça-feira, 27 de Julho de 2010

 

Para além de O Bom Ladrão , que obras de Hannah Tinti foram já publicadas na ASA?

Resposta: Animais Sortidos

 

Vencedores:

01 – Mário do Carmo Malhão

25 – João Carlos Freire

50 – Patrícia Bairos

75 – Sílvia Afonso

100 – Raquel Alves Costa de Carvalho

 

Parabéns aos vencedores e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 10:37 | link do entrada | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

Sexta-feira, 23 de Julho de 2010

(Cliquem em "view subtitles" para terem legendas em português.)



publicado por Rita Mello às 16:26 | link do entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Terça-feira, 20 de Julho de 2010

 

Para além de O Bom Ladrão , que obras de Hannah Tinti foram já publicadas na ASA?

 

Envie a sua resposta para joanneharris@sapo.pt – e se estiver correcta e for a 1.ª, a 25.ª, a 50.ª  75.ª ou a 100.ª a chegar, ganha automaticamente um dos cinco exemplares de O Bom Ladrão, de Hannah Tinti, que a ASA tem para oferecer. A data limite é sexta-feira, dia 23 de Julho.



publicado por Rita Mello às 14:54 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

 

 

Onde se conheceram Alan e Irene Brogan, protagonistas de Almas Gémeas?

Resposta: num orfanato.

 

Vencedores:

01 – António Agostinho Teixeira Machado

25 – César Oliveira

50 – Sandrina Antunes Oliveira

75 – Cláudia Tatiana Rosadas

100 – Maria Caixeiro

 

Parabéns aos vencedores e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 10:26 | link do entrada | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Sexta-feira, 16 de Julho de 2010

 

 

Ren tem doze anos e vive num orfanato. Nunca conheceu os pais, não sabe como perdeu a mão esquerda nem o seu próprio nome, pois tinha apenas três iniciais – REN – bordadas na roupa com que foi abandonado. Ele sonha com uma família e um lar, mas a sua deformidade faz com que seja sempre preterido a favor das outras crianças. Até ao dia em que aparece Benjamin Nab, que desvenda o mistério da mão de Ren e afirma ser seu irmão. Os monges do orfanato decidem entregar-lhe o menino. Mas será Benjamin quem realmente diz ser? Mesmo quando as suas histórias se tornam cada vez mais insólitas e as aventuras mais perigosas, Ren não perde a esperança de encontrar a família e suporta corajosamente a fome e o perigo a que Benjamin o expõe. Mas o tempo passa e ele começa a suspeitar de que Benjamin guarda a chave, não só do seu futuro, mas também do seu passado…



publicado por Rita Mello às 16:53 | link do entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

 

 

“Escrito com a mestria de Charles Dickens e toques de fantasia dignos de Harry Potter… Magia pura e simples.”

The New York Times


“De vez em quando – se tivermos sorte – encontramos um romance tão maravilhoso que gostaríamos que todas as outras pessoas do mundo o lessem também. Este é um desses livros: uma obra de magia literária.”

Elizabeth Gilbert, autora de Comer, Orar, Amar


“Uma das histórias mais inspiradoras desde Oliver Twist.”

O. The Oprah Magazine


“Um romance fulgurante como um relâmpago – belo, perturbador e absolutamente brilhante. Hannah Tinti é um Robert Louis Stevenson do século XXI.”

Junot Díaz


“Contém todos os ingredientes de um clássico.”

San Francisco Chronicle


O Bom Ladrão faz-nos lembrar porque nos apaixonámos pela leitura. E essa é uma dádiva preciosa.”

Boston Globe


Hannah Tinti trata os leitores como um comboio descontrolado trata os seus passageiros: arranca na sua história fantástica sabendo que eles não terão outra opção senão agarrar-se e esperar para ver como as coisas vão acabar.”

Associated Press


“Lembra-nos simultaneamente Charles Dickens e J.K. Rowling… A história é fantástica, mas o mundo que Tinti pinta é complexo e cheio de equívocos.”

The Philadelphia Inquirer


“A chave para o sucesso de Tinti com este romance é a tensão constante entre a ternura e o perigo, uma tensão que ela intensifica até às últimas páginas.”

The Washington Post


Tinti assegurou o seu lugar como uma das mais inteligentes e perspicazes jovens romancistas americanas.”

Entertainment Weekly


“Difícil de parar de ler… Um desfile de cenas de perseguição, momentos carregados de suspense e revelações.”

The Seattle Times


“Maravilhosamente satisfatório… Rico em detalhes sensoriais, reviravoltas surpreendentes e personagens vivas por quem torcer.”

Kirkus Reviews


“Um romance de estreia tão rico que esperamos que seja o primeiro de uma série.”

Plain Dealer


“No seu muito original romance de estreia, Tinti torna os horrores e maravilhas que imaginou totalmente credíveis e ricos em implicações, ao criar uma história de comédia negra enfeitiçadora, sinistra e ao mesmo tempo positiva, sobre a eterna batalha entre o Bem e o Mal.”

Booklist


Hannah Tinti trata os leitores como um comboio descontrolado trata os seus passageiros: arranca na sua história fantástica sabendo que eles não terão outra opção senão agarrar-se e esperar para ver como as coisas vão acabar.”

Associated Press


“Um romance de estreia notável… Desenrola-se como uma história de Robert Louis Stevenson recontada entre a sordidez miserável da Nova Inglaterra colonial. A pura estranheza da história é cativante… Muito divertido.”

The New Yorker


O Bom Ladrão é um revivalismo tão divertido quanto perfeitamente afinado, e tão divertido quanto preciso.”

The Believer


O Bom Ladrão é o tipo de romance que faz da expressão ‘antiquado’ um elogio – um enredo firme, sem-cerimónias, irresistível. Tinti escreve com uma prosa simples, perfeita na sua intensidade, que agarra o leitor e não o larga mais.”

Orlando Sentinel



publicado por Rita Mello às 16:50 | link do entrada | comentar | favorito
|

 

 

Hannah Tinti cresceu em Salem, Massachusetts. A sua colectânea de contos, Animais Sortidos, já publicada pela ASA, foi traduzida em dezasseis países e finalista do PEN/Hemingway Award. É co-fundadora e editora-chefe da revista One Story, pela qual ganhou em 2009 o PEN/Nora Magid Award de excelência editorial. O Bom Ladrão foi considerado um dos melhores livros do ano pelo The Washington Post, The New York Times, San Francisco Chronicle e Kirkus Reviews. Foi também galardoado em 2009 com o John Sargent Sr. First Novel Prize e o Alex Award da American Library Association.

 

Para mais informações sobre a autora e a obra consulte o site www.hannahtinti.com



publicado por Rita Mello às 16:47 | link do entrada | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 14 de Julho de 2010

 

Onde se conheceram Alan e Irene Brogan, protagonistas de Almas Gémeas?

 

Envie a sua resposta para joanneharris@sapo.pt – e se estiver correcta e for a 1.ª, a 25.ª, a 50.ª  75.ª ou a 100.ª a chegar, ganha automaticamente um dos cinco exemplares de Almas Gémeas, de Alan e Irene Brogan, que a ASA tem para oferecer. A data limite é domingo, dia 18 de Julho.



publicado por Rita Mello às 16:47 | link do entrada | comentar | ver comentários (8) | favorito
|

Terça-feira, 13 de Julho de 2010

 

Para além de A Cor do Hibisco , que romances de Chimamanda Ngozi Adichie foram já publicados na ASA?

Resposta: Meio Sol Amarelo.

 

Vencedores:

01 – Inês Bruno

25 – Susana Salvador

50 – Bruna Paiva da Silva

75 – Carla Cruz

100 – Cláudia Ferreira de Andrade

 

Parabéns aos vencedores e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 16:38 | link do entrada | comentar | ver comentários (8) | favorito
|

 

Vencedor do Orange Prize 2007


Com uma elegância apenas ao alcance dos grandes escritores, Chimamanda Ngozi Adichie entrelaça as vidas de cinco personagens inesquecíveis: Ugwu, um humilde criado de treze anos a quem o mundo se desvendará pela mão do seu senhor, Odenigbo, que, na intimidade da sua casa, planeia uma revolução. Este jovem professor universitário mantém uma relação apaixonada e sensual com a bela e mágica Olanna, cuja irmã gémea, Kainene, é alvo do amor desesperado de Richard, um jovem inglês a braços com o seu papel de homem branco em África.

Todos eles vão ser forçados a tomar decisões definitivas sobre amor e responsabilidade, passado e presente, nação e família, lealdade e traição. Todos eles vão assistir ao desmoronar da realidade tal como a conheciam devido a uma guerra que tudo transformará irremediavelmente.



publicado por Rita Mello às 09:56 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

 

“Um romance magistral, uma lição de História exemplar. Imperdível.”

Jornal de Notícias


“Com uma destreza e emoção que lhe são peculiares, Chimamanda Adichie une a vida de cinco personagens inesquecíveis neste livro poderoso… Amor, passado, presente, lealdade, família e nação num enredo simplesmente arrebatador.”

Notícias Sábado


“A literatura africana tem uma nova voz, elegante e por vezes luminosa, herdeira do talento dos antigos contadores de histórias.”

Público


“Um fresco sensível, intenso e emotivo da história recente da Nigéria.”

I

“Fascinante… Com uma escrita elegante e precisa, a autora transmite-nos um ambiente onde o sol nem sempre ilumina todas as realidades.”

Jornal de Negócios


“Se há romances que não conseguimos parar de ler, este Meio Sol Amarelo encabeça a lista…. Uma das obras mais belas que li nos últimos tempos. Imperdível!”

Lux Woman



publicado por Rita Mello às 09:56 | link do entrada | comentar | favorito
|

 

“Poderoso… Um romance arrebatador.”

The New York Times


“Tremendo… Adichie consegue recriar um capítulo infernal da história do seu país e, ao mesmo tempo, escrever sobre o poder do amor.”

The Observer


“Sem dúvida, uma obra-prima literária e um clássico.”

Daily Mail


“Uma obra extraordinária.”

Los Angeles Times


“Um livro avassalador que é simultaneamente uma arrepiante lição de História e uma narrativa humana fascinante.”

The Seattle Times


“Brilhante… Adichie entrelaça amor e política como poucos romancistas… É isto o que a grande ficção faz: consome-nos ao mesmo tempo que nos devora, e a sua ficção acaba por ser mais verdadeira do que os factos sobre os quais foi construída.”

Elle


“Um relato maravilhoso e impiedoso de amor, violência e traição durante a guerra do Biafra.”

Time


“As personagens de Adichie prendem o leitor e carregam a história através de acontecimentos trágicos até ao seu doloroso final.”

Newsday


“Escrito com uma claridade inabalável, Meio Sol Amarelo é um relato envolvente e compassivo sobre o efeito da guerra nas pessoas.”

Chicago Tribune


“Apaixonante… Um retrato tremendamente acutilante sobre um dos períodos mais traumáticos da história da Nigéria.”

The Nation


“Uma obra deslumbrante.”

Newsweek


“O poderoso segundo romance de Chimamanda Ngozi Adichie conta a história chocante da limpeza étnica e da fome em massa que tiveram lugar neste território secessionista da Nigéria em 1967.”

People


“Virulento e maravilhosamente escrito… O que faz de Meio Sol Amarelo um relato tão profundamente irresistível e envolvente são os poderes de empatia e imaginação de Chimamanda Ngozi Adichie.”

San Francisco Chronicle


“Uma virulenta lição de História, tremendamente evocativa e completamente envolvente.”

Publishers Weekly


“Um romance magistral sobre um dos mais dolorosos episódios da história da Nigéria.”

The Independent


“Magnífico.”

Booklist



publicado por Rita Mello às 09:55 | link do entrada | comentar | favorito
|































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































































arquivos

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

a arte de amar

a casa do lago

a crítica

a herança

a leste do sol

a melodia do amor

a menina na falésia

a noiva italiana

agatha christie

agnès desarthe

agridoce

alice hoffman

alona kimhi

annie murray

anthony capella

as meninas dos chocolates

as raparigas da villa

as regras da sedução

as vidas privadas de pippa lee

autobigrafia

barbara e stephanie keating

barbara taylor bradford

bernardine kennedy

bernhard schlink

biografia

casamento de conveniência

chimamanda ngozi adichie

chris cleave

cinema

coleção crime à hora do chá

concurso

confissões ao luar

corações sagrados

crítica

crónica de paixões & caprichos

daniel mason

divorciada aos 10 anos

doces aromas

documentos

domenica de rosa

elizabeth edmondson

entrevista

esther freud

excerto

filme

jaycee dugard

jean sasson

joanne harris

jogos de sedução

julia gregson

julia quinn

kate jacobs

katherine webb

kunal basu

lesley pearse

lições de desejo

lili la tigresse

lucinda riley

madeline hunter

mary balogh

mil noites de paixão

natasha solomons

nicholas sparks

nicky pellegrino

nojoud ali

nunca digas adeus

nunca me esqueças

o clube de tricô de sexta à noite

o português inquieto

o segredo de sophia

os ingredientes do amor

os pecados de lord easterbrook

paullina simons

pequena abelha

prémios

procuro-te

quem quer ser bilionário

rani manicka

razões do coração

rebecca miller

roopa farooki

sam bourne

sarah dunant

segue o coração – não olhes para trás

seis suspeitos

sinopse

susanna kearsley

teu para sempre

top

trailer

trilogia langani

um verão em siena

uma carta inesperada

uma casa de família

uma noite de amor

uma vida ao teu lado

vida roubada

vídeo

vikas swarup

w bruce cameron

todas as tags

Amigas e amigos
A Casa Torta
A Galáxia dos Livros
A Gémea que Faltava
Alojaeasverdades
A Magia dos Livros
A Menina dos Policiais
Ametista Cintilante
A Minha Vida em Mil Páginas
Amostras e Passatempos
Anjo, Estrelinhas e Manas
Ao Ler o Livro
A Opinião do Prazer
A Participar
A Partir dos 30
Artes e Devaneios
As Ameias do Crepúsculo
As Histórias de Elphaba
As Leituras da Fernanda
As Leituras da Maggie
As Leituras do Corvo
As Minhas Leituras
Avenida Surrealista
A Viajante
Bad Books Don’t Exist
BiblioMigalhas
Biblioteca CEF LIVROS com VIDA
Biblioteca do CEDV
BlogBrottas
Blogtailors
Bookeater/Booklover
BookManíacas
Books and Books
Books Around the Corner
By Juaniska
Café de Letras
Cantinho das Partilhas
Cartuchos Literários do Guerreiro
Castelo de Letras
Chá da Meia-Noite
Chá de Menta
Chá para Dois
Chovem Livros
Cinco Quartos de Laranja
Clorofórmio do Espírito
Clube dos Livros
Clumsy Girl
Coisas da Cleo
Compartilhando Leituras
Conta-me Histórias
Cuidado com o Dálmata
Daqui Prá Frente Só Há Dragões
Declaro-me Sonhadora
Destante
De Volta dos Tachos
Directório Livros e Marcadores
Doce Refúgio
Doida por Livros
Dominus
Dos Meus Livros
Esmiuça o Livro
Esmiuçar os Livros
Estante de Livros
Este meu Cantinho
Expressividade
FazendoArte
Finding Neverland
Floresta das Leituras
Floresta de Livros
Folhas de Papel
Ganha Prémios na Net
Ganhar.me
Girl in the Clouds
Godalsky
Gosto de Ti Livro
Grilinha
Há Luz no Fundo do Túnel
Horas Serenas
Ines’s Secrets
Inocência de Amar
Já Ganhavas qualquer Coisa!
Jonasnuts
Kikisses
Lector in Fabula
Learning To Breathe on my Own
Leitura da Semana
Leituras (and so on)
Leituras… By Bauny
Leituras das Marias
Leituras de A a B
Ler
Ler e Reflectir
Ler é Viver
Ler por Gosto não Cansa
Ler, um Prazer Adquirido
Letras&Baquetas
Letras sem Fundo
Leves e Ausentes
Leya BIS
Livreo
Livros de Bia
Livros e Leituras
Livros e Marcadores
Livros, o Meu Vício
Livros no Tempo
Livros para Devorar
Livros que Inspiram
Lost in Chick-Lit
Lucie’s… Corner on the Moon
Magical Pieces…
Mais Alguém no Mundo
Mais Passatempos
Manta de Histórias
Marcador de Livros
Maria Pudim
Max Costinha
Mesmo Grátis
Mil Estrelas no Colo
Minha Essência
Mira 46
Momentâneos
Morrigan
Moura Aveirense
Muito para Ler
Mundo da Inca
Mundo de Prata
My Imaginarium
My Life
Na Companhia dos Livros
Na Esquina do Tempo
Na Palma da Mão
Nataxxa and Geninha’s Blog
Novas Perspectivas Insulares
O Baú da Erminda
O Meu Momento Zen
O Meu Mundo
O Meu Mundo Miga
O Mundo Encantado dos Livros
O Prazer da Leitura
O Prazer de Ler
Os Devaneios da Jojó
Os Livros da Maria
Os Livros Não Têm Segredos
Os Meus Livros
O Sótão da Mimi
O Tempo entre os Meus Livros
Ouvi Dizer
O Vento Debaixo das Minhas Asas
Palavras Impressas
Palavras Partilhadas
Palavras Soltas
Passatempos Online
Pedacinho Literário
Pereira’s Book’s
Photos e Afins
Pintar com Quantas Cores o Vento Tem
Pipocas Gourmet
Planeta Márcia
Poemas, Rimas & Prosas
Pontos e Pensamentos
Porta-Livros
Porto das Pipas
Portugal Creative
Postais de Anis
Prazer dos Passatempos
Princesa Nilo
Princezices
PTPassatempos
Quadrícula
Queria de Ti
Read to Grow Europe
Refém das Letras
Refúgio do Leitor
Refúgio dos Livros
Romance n’Alma
Romances in Pink
Sapo Livros
Segredo dos Livros
Segredos Escondidos
Silêncios que Falam
SimpleSamples
Sociedade Aberta
Sofia e os Livros
Sol a Cada Dia
Sonhos de uma Rapariga
Sombra dos Livros
Tantos Livros Tão Pouco Tempo
Tempo de Mim
Tertúlias à Lareira
The Fanatic Reader
Tocas e Baldocas
Toque Suave
Totó da Cabeça
Tralhas Grátis
Tuga Passatempos
Uma Biblioteca Aberta
Um Livro e um Café
Um Ponto Azul
Vaidades
Viajar pela Literatura
Vidas Desfolhadas




subscrever feeds