Quinta-feira, 30 de Setembro de 2010

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por Rita Mello às 14:30 | link do entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sexta-feira, 24 de Setembro de 2010

 

Para lerem a entrevista de José Riço Direitinho a Esther Freud, a propósito de A Casa do Mar, publicada no suplemento Ípsilon, do Público, basta clicarem nas imagens.



publicado por Rita Mello às 17:30 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 23 de Setembro de 2010

 

 

Saiba como ganhar um dos cinco livros que a ASA tem para oferecer no blogue da Colecção Documentos aqui.

 



publicado por Rita Mello às 12:32 | link do entrada | comentar | favorito

Quarta-feira, 15 de Setembro de 2010

 

Que obra de Bernhard Schlink adaptada ao cinema valeu um Óscar de Melhor Actriz a Kate Winslet?

Resposta: O Leitor

 

01 – Bruna Cunha

25 – Sofia Otto

50 – Carlos Miguel

75 – Carmo Borges

100 – Patrícia Alexandra dos Santos Garcia


Parabéns aos vencedores e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 16:28 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010


publicado por Rita Mello às 16:46 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

 

Conheçam o novo blogue dedicado à Colecção Documentos da ASA, com vídeos, entrevistas, primeiros capítulos de obras, passatempos em asa-documentos.blogs.sapo.pt

Podem também se juntar ao clube de fãs da Colecção Documentos no Facebook aqui.



publicado por Rita Mello às 16:05 | link do entrada | comentar | favorito

Quarta-feira, 8 de Setembro de 2010

 

 

Que obra de Bernhard Schlink adaptada ao cinema valeu um Óscar de Melhor Actriz a Kate Winslet?


Envie a sua resposta para joanneharris@sapo.pt – e se estiver correcta e for a 1.ª, a 25.ª, a 50.ª  75.ª ou a 100.ª a chegar, ganha automaticamente um dos cinco exemplares de O Fim de Semana , de Bernhard Schlink, que a ASA tem para oferecer. A data limite é domingo, dia 12 de Setembro.



publicado por Rita Mello às 16:53 | link do entrada | comentar | favorito

 

 

 

Jante com a Joanne Harris no Restaurante do El Corte Inglés em Lisboa e receba também um fantástico kit Joanne Harris, com um saco da autora e a colecção completa da suas obras.

Para se habilitar a este fantástico prémio basta enviar um talão de compra do El Corte Inglés de uma das obras de Joanne Harris publicadas na ASA, que seja adquirida entre o dia 1 de Agosto e o dia 10 de Setembro.

Podem enviar o talão digitalizado para joanneharris@sapo.pt

Os quinze vencedores serão definidos por sorteio e a lista de vencedores será anunciada no blogue joanneharris.blogs.sapo.pt no dia 13 de Setembro. O jantar terá lugar no dia 16 de Setembro, às 20h30, no Restaurante do El Corte Inglés em Lisboa.



publicado por Rita Mello às 16:31 | link do entrada | comentar | ver comentários (3) | favorito

 

Ele conhece-a há uma eternidade e, contudo, ela nunca o viu. É como se fosse invisível para a mulher que ama. Mas ele vê-a a ela: o cabelo; a boca; o rosto pequeno e pálido; o casaco vermelho-vivo na neblina matinal, como algo saído de um conto de fadas.

Até agora, ele nunca se apaixonou. Assusta-o um pouco: a intensidade dessa emoção, a maneira como o rosto dela se intromete nos seus pensamentos, a maneira como os seus dedos traçam o nome dela, a maneira como tudo, de algum modo, conspira para que ela nunca lhe saia da cabeça…

Ela não sabe de nada, claro. Tem um ar muito inocente, com o seu casaco vermelho e o seu cesto. Mas por vezes os maus não se vestem de preto e por vezes uma menina perdida na floresta é bem capaz de fazer frente ao lobo mau…

 

“Todos gostámos de Chocolate e o novo thriller de Joanne Harris possui a mesma beleza com um toque moderno. Um relato sombrio e intricado.”

Company

 

“Magnífico e por vezes dilacerante… Com uma poderosa reviravolta final.”

The Times

 

“Verdadeiramente arrepiante.”

Daily Express

 

“Maravilhosamente escrito… Uma leitura enriquecedora.”

The Guardian



publicado por Rita Mello às 16:26 | link do entrada | comentar | favorito

Segunda-feira, 6 de Setembro de 2010

 

 

Até onde iria para proteger os seus ideais?

 

Após mais de vinte anos de afastamento, um grupo de velhos amigos e amantes reúne-se durante um fim-de-semana. Numa casa de campo isolada desenterram memórias e comentam os diferentes rumos que as suas vidas tomaram. Mas esta não é uma simples reunião de amigos, nem as suas conversas sobre os velhos tempos constituem as típicas reminiscências de juventude. A verdade é que se juntaram para celebrar a libertação de um dos membros do grupo: após vinte e três anos de prisão, Jörg, condenado por terrorismo e homicídio, acaba de ser libertado.

No passado, este amigos partilhavam ideais revolucionários. Agora, todos eles asseguraram o seu lugar na sociedade: Henner é jornalista, Ulrich é um homem de negócios, Karin é pastora de uma pequena igreja e Ilse professora. Para trás parecem ter definitivamente ficado os dias de luta e idealismo…

 

Num mundo pós-11 de Setembro e Guerra do Iraque, O Fim de Semana debate a validade dos objectivos políticos e a sua actualidade, mas é também um exame psicológico das neuroses, paixões e receios das suas personagens.



publicado por Rita Mello às 17:26 | link do entrada | comentar | ver comentários (3) | favorito

 

 

“Um romance indispensável.”

L’Express

 

“O professor Schlink pode ser um especialista na letra da lei, mas o escritor Schlink é um intrépido explorador dos bastante mais arriscados terrenos do coração humano.”

Newsweek

 

Schlink devia estar no programa de todas as escolas e partidos políticos. Não por reabrir velhas feridas, mas por as curar da melhor maneira.”

OÖNachrichten

 

“Uma obra que balança entre as razões e os sentimentos da nossa época. Um grande livro!”

Le Point

 

“Em O Fim de Semana, está patente a grande capacidade de Bernhard Schlink para encarnar nas suas personagens, a sua arte de entrar na complexidade dos seres.”

Lire

 

Schlink encontra a ferida aberta na Alemanha dos dias de hoje.”

Süddeutsche Zeitung

 

“Convincente.”

Die Welt

 

“Impressionante… Com uma brilhante constelação de personagens e diálogos inteligentes.”

Abendzeitung

 

“Apaixonante e arrebatador.”

Westfälische Rundschau



publicado por Rita Mello às 17:25 | link do entrada | comentar | favorito

Quinta-feira, 2 de Setembro de 2010



publicado por Rita Mello às 17:57 | link do entrada | comentar | favorito

Quarta-feira, 1 de Setembro de 2010

 

Para além de O Último Testamento, que romances de Sam Bourne foram já publicados na ASA?

Resposta: Os 36 Homens Justos e Juízo Final.

 

Vencedores:

01 – Cláudia Figueira

25 – Susana Ferreira

50 – Fátima Ribeiro

75 – Luís Gonçalves

100 – Ana Rego

 

Parabéns aos vencedores e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 17:03 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

 

 

Um dos grandes segredos do século XX, revelado pelo autor de Os 36 Homens Justos e Juízo Final


Em Nova Iorque, o serviço de segurança da ONU abate um homem suspeito de ser um bombista suicida. Mas afinal, o morto parece ser apenas um idoso inofensivo. É então que a ONU contrata Tom Byrne, um advogado idealista nos seus tempos de juventude mas que agora aceita trabalhar para qualquer um – desde que paguem bem. Tom tem de aplacar a ira dos familiares da vítima e levá-los a baixar o valor da indemnização. Mas quando conhece a belíssima filha do falecido, Tom apercebe-se de que o pai dela não era um homem tão inocente quanto isso. Ao longo da investigação, ele descobre uma irmandade secreta que causou centenas de mortes um pouco por todo o mundo. Perseguido por assassinos dispostos a tudo para encobrir a verdade, Tom tem de desvendar um segredo enterrado há mais de sessenta anos – o último grande segredo da Segunda Guerra Mundial.



publicado por Rita Mello às 09:36 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

 

 

“Perturbador e apaixonante… Sam Bourne é o melhor escritor de thrillers de teorias de conspiração religiosas.”

The Guardian

 

“Mais acutilante e uma voz bastante mais autorizada que a de Dan Brown.”

The Daily Telegraph

 

Sam Bourne é um mestre do género.”

The Observer



publicado por Rita Mello às 09:34 | link do entrada | comentar | favorito

arquivos

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

a arte de amar

a casa do lago

a crítica

a herança

a leste do sol

a melodia do amor

a menina na falésia

a noiva italiana

agatha christie

agnès desarthe

agridoce

alice hoffman

alona kimhi

annie murray

anthony capella

as meninas dos chocolates

as raparigas da villa

as regras da sedução

as vidas privadas de pippa lee

autobigrafia

barbara e stephanie keating

barbara taylor bradford

bernardine kennedy

bernhard schlink

biografia

casamento de conveniência

chimamanda ngozi adichie

chris cleave

cinema

coleção crime à hora do chá

concurso

confissões ao luar

corações sagrados

crítica

crónica de paixões & caprichos

daniel mason

divorciada aos 10 anos

doces aromas

documentos

domenica de rosa

elizabeth edmondson

entrevista

esther freud

excerto

filme

jaycee dugard

jean sasson

joanne harris

jogos de sedução

julia gregson

julia quinn

kate jacobs

katherine webb

kunal basu

lesley pearse

lições de desejo

lili la tigresse

lucinda riley

madeline hunter

mary balogh

mil noites de paixão

natasha solomons

nicholas sparks

nicky pellegrino

nojoud ali

nunca digas adeus

nunca me esqueças

o clube de tricô de sexta à noite

o português inquieto

o segredo de sophia

os ingredientes do amor

os pecados de lord easterbrook

paullina simons

pequena abelha

prémios

procuro-te

quem quer ser bilionário

rani manicka

razões do coração

rebecca miller

roopa farooki

sam bourne

sarah dunant

segue o coração – não olhes para trás

seis suspeitos

sinopse

susanna kearsley

teu para sempre

top

trailer

trilogia langani

um verão em siena

uma carta inesperada

uma casa de família

uma noite de amor

uma vida ao teu lado

vida roubada

vídeo

vikas swarup

w bruce cameron

todas as tags

subscrever feeds