Segunda-feira, 16.06.14

 

 

Uma das escritoras preferidas do público português, Lesley Pearse é autora de uma vasta obra já traduzida para mais de trinta línguas, tendo vendido mais de sete milhões de exemplares. A própria vida da escritora é uma grande fonte de material para os seus romances, quer esteja a escrever sobre a dor do primeiro amor, crianças indesejadas e maltratadas, adopção, rejeição, pobreza ou vingança, uma vez que conheceu tudo isto em primeira mão. Ela é uma lutadora, e a estabilidade e sucesso que atingiu na sua vida deve-os à escrita. Com o apoio da editora Penguin, criou o Women of Courage Award para distinguir mulheres comuns dotadas de uma coragem extraordinária.



publicado por Rita Mello às 14:00 | link do entrada | comentar | ver comentários (55) | favorito

Quarta-feira, 11.06.14





publicado por Rita Mello às 12:42 | link do entrada | comentar | favorito

Quarta-feira, 21.11.12

 

 

Para além de Sonhos Proibidos, que romances de Lesley Pearse foram já publicados pela ASA?

Resposta: Nunca Me Esqueças, Procuro-te, Segue o Coração, A Melodia do Amor e Nunca Digas Adeus.

 

Vencedores:

75 – Paula Cristina Nunes Dias Pinto Domingos

173 – Juliana Carvalho

379 – Andrea Cristina Rodrigues Martins


Parabéns às vencedoras e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 17:19 | link do entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 19.11.12

 

 

Lesley Pearse é uma das mais estimadas romancistas do Reino Unido, traduzida para mais de trinta línguas e com mais de sete milhões de exemplares vendidos. O estrondoso sucesso em Portugal de Nunca Me Esqueças, a que se seguiu Procuro-te e Segue o Coração, A Melodia do AmorNunca Digas Adeus e agora com Sonhos Proibidos, fez com que Lesley Pearse conquistasse rapidamente um lugar especial junto das leitoras portuguesas. Uma talentosa contadora de histórias e uma mestre em enredos que mantêm os leitores agarrados do início ao fim, Lesley Pearse apresenta-nos personagens que não conseguimos esquecer. Não há uma fórmula para os seus livros ou um género em que os possamos catalogar. Quer seja o crime em Nunca Digas Adeus, o romance histórico de aventuras como Segue o Coração ou o apaixonadamente emotivo Trust Me, baseado no escândalo verídico do envio de crianças para a Austrália no pós-guerra, ela tem a capacidade para envolver completamente o leitor.

 

A realidade ultrapassa muitas vezes a ficção e a vida de Lesley tem sido tão recheada de drama como os seus livros. Ela tinha apenas três anos quando a mãe morreu em circunstâncias trágicas. O pai estava em alto-mar e foi só quando uma vizinha viu Lesley e o irmão a brincar fora de casa sem os casacos vestidos que se começou a suspeitar o que acontecera – a mãe deles já estava morta há algum tempo. Com o pai na Marinha, Lesley e o irmão mais velho passaram três anos em orfanatos sombrios antes de o pai voltar a casar com uma terrível ex-enfermeira do Exército. Lesley e o irmão regressaram a casa, acompanhados por duas crianças que foram depois adotadas pelo pai e pela madrasta e por uma corrente constante de crianças, pois tornaram-se numa família de acolhimento. O impacto das constantes mudanças e da incerteza nos primeiros anos de vida de Lesley reflete-se num dos temas mais recorrentes dos seus livros: o que acontece a quem sofre perdas emocionais durante a infância. Ela teve uma infância fora do vulgar e, em todos os seus livros, Lesley conseguiu conciliar a dor e a infelicidade das suas primeiras experiências com um talento único para contar histórias.

 



publicado por Rita Mello às 12:11 | link do entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito

Segunda-feira, 18.06.12

 


Para além de Nunca Digas Adeus, que romances de Lesley Pearse estão já publicados na ASA?

Resposta: Nunca Me Esqueças, Procuro-te, Segue o Coração e A Melodia do Amor

 

Vencedores:

18 – Ana Carolina Castelhano Poças

201 – Andreia Marisa Martins Viveiros

308 – Isabel Mendonça


Parabéns às vencedores e obrigada a todos os participantes!



publicado por Rita Mello às 09:43 | link do entrada | comentar | favorito

Terça-feira, 17.11.09

 

 



publicado por Rita Mello às 11:04 | link do entrada | comentar | favorito

Sexta-feira, 13.11.09

 

Como se chama o primeiro romance de Lesley Pearse publicado em Portugal?

Nunca Me Esqueças

 

Vencedores:

01 – Daniela Patrícia

10 – Joana Fátima Ferreira

25 – Ricardo Garcia

50 – Raquel Almeida

100 – Sara Celorico



publicado por Rita Mello às 16:55 | link do entrada | comentar | ver comentários (5) | favorito

Segunda-feira, 09.11.09

 

 

Como se chama o primeiro romance de Lesley Pearse publicado em Portugal?

Envie a sua resposta para joanneharris@sapo.pt – e se estiver correcta e for a 1.ª, a 10.ª, a 25.ª, a 50.ª ou a 100.ª a chegar, ganha automaticamente um exemplar de  Procuro-te, de Lesley Pearse, que a ASA tem para oferecer. A data limite é quinta-feira, dia 12 de Novembro.

Podem ir lendo os primeiros capítulos deste romance aqui.



publicado por Rita Mello às 15:29 | link do entrada | comentar | ver comentários (3) | favorito

Quarta-feira, 04.11.09

 

 

Querida Daisy,

Sempre gostei de ter a última palavra, não gostei? Aqui sentada a escrever isto, preparando-me para o guardar na caixa com todas as recordações que juntei para ti ao longo dos anos, espero sinceramente que os médicos possam estar enganados no seu diagnóstico e que daqui a alguns anos possamos remexer as duas na caixa e rir-nos do que contém.

Mas, se não puder partilhar esse momento contigo, espero que ela te conforte pois foi criada com muito amor e as minhas pequenas notas, ainda que embaraçosas para mim agora, provam o que eu sentia nesse tempo.

Não há criança que tenha sido mais amada do que tu. A pura felicidade que eu e o teu pai sentimos quando nos foste entregue ainda hoje, depois destes anos todos, me causa um nó na garganta. Essa felicidade foi quase certamente a razão por que, cinco anos mais tarde, consegui conceber os gémeos quando nos tinham dito que seria impossível.

Encheste as nossas vidas de felicidade, depois de muitos anos de decepção, e sempre tivemos um grande orgulho em ti. Não te afastes dos gémeos porque os laços de uma infância comum são tão fortes como os laços de sangue. Desejo-te tanta alegria e felicidade na tua vida como eu tive na minha e a única tristeza que experimento é não estar viva para conhecer os meus netos. O cheque que junto é uma parte do dinheiro que me foi deixado pelo meu pai. Também ele morreu sem conhecer os netos que esperava vir a ter e o facto de ter guardado algum para dividir contigo, com a Lucy e com o Tom foi uma forma de lhe prestar tributo. Por isso, minha querida, gasta-o com prudência. Uma despedida final não é momento para sermões e já tos dei em abundância no passado. Agora, tudo o que posso dizer é que te amo e que estarei a velar por ti.

Com todo o meu amor,

Mamã

 

Leia os primeiros capítulos de Procuro-te, de Lesley Pearse, aqui.



publicado por Rita Mello às 16:21 | link do entrada | comentar | ver comentários (8) | favorito

Segunda-feira, 02.11.09

 

 

 

Sacrificaria o amor da sua vida em nome do passado?

 

Daisy tem apenas vinte e cinco anos quando a mãe morre nos seus braços. Embora saiba há muito que foi adoptada, sempre se sentiu amada pelos pais e pelos irmãos. Para Daisy, aquela é a sua família. Todavia, o luto vai abalar o equilíbrio doméstico e revelar rivalidades encobertas. A serenidade dá lugar à devastação, e a jovem sente que é a altura certa para partir em busca das suas raízes e confrontar-se com o passado.

Na ânsia por saber mais sobre Ellen, a sua mãe biológica, e à medida que vai desvendando a história da família, Daisy descobre as duras verdades por detrás do seu nascimento. Dotada de uma inabalável determinação, Ellen sobrevivera a uma infância traumática: a morte da sua própria mãe estava envolta numa aura de mistério e os maus-tratos de que fora vítima às mãos da madrasta haviam-na marcado irremediavelmente. O destino quis que a sua coragem fosse constantemente posta à prova. O tempo encarregou-se de apagar o rumo dos seus passos.

Mas Daisy não desistirá de a encontrar, nem que para tal tenha de renunciar ao amor da sua vida.

 

Uma história surpreendente, de Lesley Pearse, autora de Nunca Me Esqueças.



publicado por Rita Mello às 12:04 | link do entrada | comentar | ver comentários (21) | favorito

Sexta-feira, 30.10.09



publicado por Rita Mello às 12:35 | link do entrada | comentar | ver comentários (4) | favorito

arquivos

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

a arte de amar

a casa do lago

a crítica

a herança

a leste do sol

a melodia do amor

a menina na falésia

a noiva italiana

agatha christie

agnès desarthe

agridoce

alice hoffman

alona kimhi

annie murray

anthony capella

as meninas dos chocolates

as raparigas da villa

as regras da sedução

as vidas privadas de pippa lee

autobigrafia

barbara e stephanie keating

barbara taylor bradford

bernardine kennedy

bernhard schlink

biografia

casamento de conveniência

chimamanda ngozi adichie

chris cleave

cinema

coleção crime à hora do chá

concurso

confissões ao luar

corações sagrados

crítica

crónica de paixões & caprichos

daniel mason

divorciada aos 10 anos

doces aromas

documentos

domenica de rosa

elizabeth edmondson

entrevista

esther freud

excerto

filme

jaycee dugard

jean sasson

joanne harris

jogos de sedução

julia gregson

julia quinn

kate jacobs

katherine webb

kunal basu

lesley pearse

lições de desejo

lili la tigresse

lucinda riley

madeline hunter

mary balogh

mil noites de paixão

natasha solomons

nicholas sparks

nicky pellegrino

nojoud ali

nunca digas adeus

nunca me esqueças

o clube de tricô de sexta à noite

o português inquieto

o segredo de sophia

os ingredientes do amor

os pecados de lord easterbrook

paullina simons

pequena abelha

prémios

procuro-te

quem quer ser bilionário

rani manicka

razões do coração

rebecca miller

roopa farooki

sam bourne

sarah dunant

segue o coração – não olhes para trás

seis suspeitos

sinopse

susanna kearsley

teu para sempre

top

trailer

trilogia langani

um verão em siena

uma carta inesperada

uma casa de família

uma noite de amor

uma vida ao teu lado

vida roubada

vídeo

vikas swarup

w bruce cameron

todas as tags

subscrever feeds